CRISTALVOX

Uma luz vermelha muito intensa está “acesa” no Palácio do Planalto, de uma forma nunca vista antes na história desse país.  José Maria Marin, ex-presidente da CBF, preso estratégicamente nos Estados Unidos, teria revelado aos investigadores da Suiça e Norte-Americanos, fatos  e detalhes devastadores do ponto de vista ético, envoltos num gigantesco esquema de corrupção que resultou na escolha do Brasil como sede da copa do mundo em 2014.

Nesse cenário surge João Santana,  o marqueteiro preferido da Presidente Dilma Rousseff, que segundo a revista Veja é o novo alvo da Operação Lava Jato.

O círculo está sendo fechado pelos investigadores com a descoberta de depósitos milionários em contas cifradas na Suiça em nome de Santana. A construção superfaturada de estádios para a Copa do Mundo, onde as empreiteiras da Lava Jato aparecem como executoras de obras gigantescas e desnecessárias como Brasília, Cuiabá, Natal e Manaus colocam o núcleo…

View original post 85 more words

Advertisements